sábado, 20 de junho de 2009

Trilha Casa do Queijo - Muito morro

Galera,

Valeu por este pedal especial, relembrando os velhos tempos foi um pedal com os integrantes da "velha guarda" do Gira Pedal, o que gerou muita restrospectiva de como começou o grupo, a amizade, histórias de como o grupo foi se firmando, até chegar a este ponto que estamos hoje.

Mas fez falta a turma toda, Mazzeo trabalhando, Rafael em recuperação, Daniel meu irmão, Telma cunhada, Silvio (meu tio), e também dos amigos que sempre que podem fazem parte desta galera tão especial.

Chegamos na frente da Casa do Queijo perto das 7:45 hs e o girapedalense Ricardo estava dentro do carro de tanto frio que estava, tinha neblinha por todo o lado. Logo depois chegou o Rodrigo e nos preparamos para sair.


Contudo, mesmo em grupo reduzido foi uma trilha muito divertida, forte e diferente, seja pelo percurso nunca feito neste sentido, seja pelos acontecimentos, ou seja, por tudo que faz cada trilha um momento único de amizade e companheirismo.


Bem, deixa eu começar logo descrever o pedal senão vão falar que estou filosofando demais, mas tenho direito, pois como mês de meu aniversário fiz questão de escrever esta postagam exatamente para demonstrar minha satisfação e alegria em ter amigos como neste grupo, pois a afinação que existe entre a galera é única e dificilmente vi algo dar certo de forma tão fácil .


A trilha escolhida foi o Horto, excelente morro de quase 3 Km perfeito para aquecer, afinal depois de 4 km de asfalto chegamos congelados na subida.

A trilha trascorreu normalmente, o céu se abrindo aos poucos nos presenteou com vistas próprias de um sábado perfeito. No meio da trilha nos confundimos e pegamos a estrada de terra que saía para o Turvo, o que surpreendeu todos, pois queríamos chegar no Roncador.


Mas não desistimos, continuamos até chegar na Cachoeira do Roncador pelo percurso mais comum mesmo. Depois pegamos a esquerda sentido o bairro do Lavra, mas antes da ponte de concreto pegamos a esquerda sentido novamente para o Horto, mas pelo morro do Sabão.


Quanse chegando no morro do Sabão nosso amigo Hanks perdeu o controle da bike, em razão do cascalho levou um capote, mas graças a Deus sem maiores problemas, apenas ferimentos leves. Mas homem que é levantou logo, xingou muita gente, informou o fundamento técnico que acarretou o tombo e seguiu em frente.....rs

No final desta descida tivemos que enfrentar um boi do tamanho de um armário, que fez a galera quase dar meio volta, mas no final todos passaram.


Pegamos o Morro do Sabão... amigo!!!!! Muito legal para treinar, mas de uma inclinação bem forte. Passamos pelo Horto novamente e retornamos pelo mesmo caminho.


Aqui nesta foto podemos ver a amiga do Hanks, isso mesmo, quando abriram as portas da Casa do Queijo automaticamente o Hanks olhou para a dona e deu bom dia, mas não se deu por satisfeito, olhou para dentro de deu bom dia também para a estátua.... ele não viu que era uma estátua..... esse Hanks.... Cara vc não pode faltar nas pedaladas.... com vc tudo é diferente, tudo acontece....


Bem, podemos dizer que foi um pedal muito forte em subidas, que dos 44 Km, acho que quase medate foi de subida que deu a satisfação de missão cumprida aos membros do Gira. Estes 44 Km foram percorridos em 3 horas (com várias paradas para dar risada, colocar o papo em dia), e 5 horas de pedal total. Trecho bem técnico com subidas fortes, cascalho, descidas rápidas com terra batida perfeita para quem gosta de descer em velocidade, né Mestre????? rs


Na chegada, fomos festejar na Casa do Queijo com uma porção de queijo nozinho temperado, tubaína e cerveja (Oh Tio, lembramos de vc na hora, parecia que faltava alguma coisa daí que notamos que era a sua presença, pois a Casa do Queijo não é a mesma sem o seu garoto propaganda oficial, rsssss) brincadeira, mas realmente lembramos de vc.

Graças a Deus deu tudo certo e mesmo com o acidente do Hanks sem graves consequencias podemos falar que foi um pedal perfeito, onde a amizade, esporte e natureza foi o trio responsável pela alegria da galera.
Valeu Hanks, Ricardo, Rodrigão, Fabiano e Diego.

video

5 comentários:

  1. Fala galera do Gira!
    Pelo jeito perdi uma aventura e tanto... mas com esse grupo tenho certeza que outras virão!!!
    O texto ficou show e o vídeo no final dispensa comentários.
    Valeu galera, e espero que eu possa voltar o mais rápido possível.. pedalar com vcs é massa demais!!
    Grande abraço!!
    Rafael

    ResponderExcluir
  2. É isso aí galera... gostei do pedal, pena que não pude participar, mas logo mais estarei nas pedaladas do gira... hehehe...
    E aí, alguem conseguiu subir o Sabão no pedal sem parar? faz tempo que não consigo subir aquela encrenca direto... hehehe... o cascalho não deixa, ultimamente sempre tenho que fazer uma parte empurrando... hehehe...
    Falou galera, grande abraço e até as próximas pedaladas... Sílvio.

    ResponderExcluir
  3. FAAAALA GALERAAA !!!!

    Mas um Pedal SHOOOW DE BOLA, fora meu tombo técnico, para ensinar a galera como cair com segurança, tivemos as subidas interminaveis que realmente quase chegamos nas nuvens mesmo... Mas como praticamos Mountain Bike, não tem do que reclamar né....rs..
    A Morena da Casa do Queijo...nooossa...GAMEI naqueles olhos azuiz, o bom dia foi pra iniciar papo pro xaveco mesmo... hehehe

    Diegão mais uma vez se superando nos videos editados nos Super Softwares Profissa...hehe.. Arrepia a galera...

    É ISSO AÍ GIRAPEDALENSES....
    ABRAÇOS !!!!
    E RUMO AO PROXIMO PEDAL.....

    ResponderExcluir
  4. Pedal com grandes subidas e CLARO GRANDES DESCIDAS .... a descida do Horto foi Show de bola, pois não estava muito cascalhada e conseguimos atingir um boa velocidade final ....

    Pedal que poderia ter sido nomeado de: De volta ao passado, pois a vanguarda do Gira Pedal estava completa.

    Obrigado a todos por outro grande pedal, e graças a Deus nada de grave com a queda do Girapalense Hanks.

    E como de sempre RUMO AO PROXIMO DESAFIO ...

    Fabiano - Mestre dos Magos

    ResponderExcluir
  5. aew galera do girapedal... eu e meu amigo jah fizemos essa rota do sabão tbm... eh... muita subida, mas a descida sempre foi um presente pra nós... estamos iniciando tbm nesse ritmo de pedal... muito bom pra nos tirar do stress do dia a dia do nosso trampo.

    parabéns pelo texto e video.

    abraço a todos.

    ResponderExcluir